20 de mai de 2013

Lista da semana: Finais de séries mais marcantes

Posted by Aline Guevara On 11:55 0 comentários



Estamos naquele período do ano em que as nossas queridas séries companheiras das noites insones, dias chuvosos, fins de semana e qualquer momento livre chegam aos seus finais de temporada. Mas enquanto algumas são renovadas para mais um ano, muitas outras encontram o seu fim. Para comemorar o período, confira uma lista com alguns dos finais de séries mais marcantes da TV:

(Cuidado com spoilers)


Lost
A série provocou reações bem diversas depois de seu series finale. A grande maioria se sentiu enganada pela falta de explicações ao grande número de mistérios que Lost deixou no ar em seus seis anos de exibição, mas outros ficaram satisfeitos com a conclusão da história dos personagens, inclusive trazendo de volta aqueles que já haviam morrido. E claro, o final com a câmera mais uma vez focalizando Jack abrindo os olhos despertou a nostalgia do sentimentos despertados lá na distante primeira temporada.



Friends
O episódio final de Friends não poderia ser mais previsível... nem mais emocionante. Apesar das obviedades (Ross fica com Rachel, Chandler e Mônica se tornam pais...), o término foi na medida para agradar a todos os fãs. Não foi difícil derramar algumas lágrimas, tanto das risadas quando da tristeza pela despedida dos seis amigos.



Anos Incríveis
A história de Kevin Arnold, sua família, seu amigo Paul e sua namoradinha Winnie conquistou muitos corações com a sua trama simples, os anos de transição de um garoto da infância para a vida adulta, mas também repleta de significados. O final, que contrariou expectativas e deixou algumas surpresas agridoces no ar, foi extremamente emocionante e bonito. Simples, como a série, mas tocante, como a vida.



Seinfeld

O final da comédia "sobre o nada" também resultou em polêmica. Os quatro amigos são presos depois de não ajudarem um homem que estava sendo assaltado, graças a uma tal "Lei do Bom Samaritano". Ao invés disso, eles haviam ficado parados assistindo e fazendo piadas do ocorrido. Os fãs mais ardorosos se indignaram com a "punição" aos personagens, que sempre agiram deste modo aos longo dos nove anos de sucesso de Seinfeld. Mas com tantas expectativas sobre a série, aclamada pela crítica e pelo público, seria difícil qualquer final agradar. O episódio marcou a terceira maior audiência na televisão nos EUA.



Six Feet Under
Não existe muita discussão sobre esta questão: a série de Alan Ball foi uma produção incrível e seu final é provavelmente um dos melhores da televisão. Em um seriado no qual a morte sempre teve um papel importante na vida de seus personagens, o final com uma montagem do futuro e da morte de cada um dos protagonistas, que tanto nos cativaram, foi emocionante.



Gilmore Girls
A série sempre teve como fio condutor a relação entre mãe e filha de Lorelai e Rory, e o final não poderia ser outro. Vimos a sempre insegura Lorelai decidindo de uma vez a sua relação com Luke e Rory escolhendo priorizar a sua carreira ao invés do relacionamento amoroso. E, claro, a despedida não podia ser melhor do que vê-las novamente sentando na mesa da cafeteria de Stars Hollow para um último café.



The OC
Casamentos, bebês, mais casamentos e realizações de sonhos. The OC pode não ter o melhor series finale das séries (muito longe disso), mas certamente ficou na cabeça de bastante gente. Depois do final dramático da terceira temporada, com a morte de Marissa, uma das protagonistas, ficou a dúvida de como a série iria continuar. A quarta temporada perdeu bastante audiência, mas talvez para compensar a temporada anterior, a série decidiu dar aos seus personagens restantes um "final feliz". Ao menos foi muito bom ver Ryan atingindo seus objetivos e tendo a oportunidade de fazer por outras pessoas o mesmo bem que os Cohen fizeram em sua vida.




The Sopranos
A série do mafioso Tony Soprano tem um dos términos mais polêmicos da história da televisão. O final aberto, com um corte abrupto em uma cena em um jantar em família, decepcionou muita gente e deixou outras tanto pensando no quanto isso foi genial. 




0 comentários:

Postar um comentário