2 de dez de 2012

Lista da semana: Piores filmes baseados em HQs

Posted by Bueno Neto On 17:00 0 comentários

O cinema de Hollywood há anos vem bebendo da fonte dos HQs para seus filmes. Infelizmente nem sempre acerta em sua obra, na verdade, na maioria das vezes erra e feio. Para cada filme do nível de Os Vingadores que aparece temos que aturar alguns no naipe de "Batman e Robin". Ainda esperando sempre que Hollywood veja nossos heróis um pouco mais que dinheiro em caixa, para isso temos nosso bat-credit-card. e como metade da diversão é falar mal do que é ruim, vamos a lista.




O Quarteto Fantástico de Roger Corman
Em primeiro lugar, o rei trash dos filmes de super heróis. Tão ruim que nem foi lançado, com a editora tentou impedir que chegasse ao público. Estou falando de O Quarteto Fantástico de Roger Corman.  No fim dos anos 80 - início dos 90 a Marvel era completamente descuidada com seus filmes e vendeu os direitos sobre a criação para uma produtora alemã chamada Neue Constantine. No entanto, a produtora atrasou o filme e o prazo contratual chegava perigosamente ao fim. Se expirasse, a empresa alemã teria que pagar multa de 5 milhões de dólares à Marvel. O resultado foi um Show de Horror com efeitos especias tão trash que dariam vergonha ao Zé do Caixão ou Elvira. 



Liga da Justiça da América

A Marvel não tem monopólio de filmes trash, a DC também teve sua cota. Liga da Justiça da América é um exemplo disso. São os anos 90 nos brindando com suas pérolas, neste filme além de utilizar, com exceção do Flash, apenas os heróis B da DC, os produtores deram uniformes que parecem feitos por escolas de samba. Os poucos efeitos especiais dão medo de tão ruins. Inclusive, no roteiro, os heróis perdem seus poderes, bem conveniente. Pelo menos nos poupa de ver estes "defeitos especiais".



Batman Eternamente

Finalmente vamos falar de Batman e Robin. Não! Antes outra pérola quase tão ruim quanto: Batman Eternamente. Só tenho a dizer: primeira aparição do uniforme com mamilos. Acho que não preciso de mais nenhuma evidência sobre esse filme ser ruim. 




Batman e Robin

Finalmente Batman e Robin, este filme tem de tudo: mamilos nos uniformes, Batcartão de crédito, Robin como adolescente de 30 anos em crise, Batman escorregando num dinossauro no melhor estilo Fred Flinstone, Bat-protetor labial para beijos (pra que Robin carregava isso no cinto é um misterio e altamente suspeito), Bane que parece um balão de gás, e a pergunta que não quer calar. "Se os uniformes de Batman e Robin tem mamilos, porque as da Batgirl não tem?"




X-Men 3, O confronto final

Depois de dois filmes excelentes o diretor Brian Singer deixou a franquia para se dedicar a Superman Returns, e deixou o filme na mão de Brett Ratner, e este conseguiu estragar o filme. O problema não está no visual ou efeitos especiais, mas o roteiro foi o grande vilão. Talvez o grande problema tenha sido tentar misturar e desenvolver duas grandes sagas dos X-men nos HQ, a saga da Fênix e da cura mutante. Assim, nenhuma das tramas funcionou, deixando o filme com uma paçoca de enredos, sem contar a decepcionante aparição da cabeça do sentinela.





Homem Aranha 3


Talvez a parte três seja o grande mal das franquias de super heróis, e nosso herói aracnídeo também sofreu com isso. Sam Raimi, diretor dos brilhantes filmes 1 e 2 cedeu à pressão dos produtores da Sony e deixou que alterassem tanto sua obra que o filme virou uma sucessão de coincidências e atos aleatórios que ligam uma cena a outra. Realmente triste de ver.














X-Men origens, Wolverine


Se nos filmes X-Men Wolverine se destacou, em seu próprio filme ele decepcionou. Sua origem no Canadá e sua participação em todas as guerras durante os créditos são sequências muito boas, mas depois disso o filme desanda. A aparição de mutantes no filme parece surgir de forma aleatória e muito mal caracterizada, principalmente Deadpool e Gambit. O filme parece ser apenas cenas de ação que parecem vir tão aleatórias quanto as aparições dos muitos mutantes. Wolverine merecia mais.




The Hulk


O diretor Ang Lee em 2003 nos apresentou este filme, longo, tedioso, incrivelmente longo e já foi dito longo? O Hulk demorou mais de uma hora de filme para aparecer e quando finalmente aparece luta com cães. Tudo bem, geneticamente modificados, mas ainda era um poodle.







the Spirit


Frank Miller é cultuado por escrever HQ, mas quando teve a chance de mostrar sua arte no cinema decepcionou muito com Spirit. O elenco é de primeira: Eva Mendes, Samuel L. Jackson, Scarlett Johansson, mas as atuações são caricatas e exageradas, tão falsas que até o camelô não venderia.








Mulher Gato


Não sei nem o que dizer desse filme de tão ruim. Na verdade, se o filme tivesse qualquer outro nome e não se dissesse se basear em HQ seria até um filme mediano, mas vendendo como Mulher Gato foi terrível. Primeiro: de mulher gato só tem o nome, mudaram tudo nela, de etnia a nome de identidade secreta. Até a origem ficou bizarra: meio reincarnação de uma deusa gata meio mordida por gata radiativa que caiu num poço de produtos químicos, é tão ruim quanto parece.




Demolidor


O homem sem medo, e precisa mesmo não ter medo para assistir esse filme. Ben Afflecc interpreta nosso herói deficiente visual como se fosse um robô que daria inveja ao exterminador do futuro. Alguém conta para ele que cegueira não é paralisia facial.









Elektra


Spin Off do Demolidor. É incrivel como um filme ruim pode dar origem a um filme pior. Depois de um início agitado e empolgante, o filme entra numa monotonia sem fim quebrado por aparições de vilões sem graça e sem carisma, poucas cenas de ação e quando elas aparecem são tão mal feitas que preferíamos que não existissem, ou melhor, que o filme não existisse.







0 comentários:

Postar um comentário