1 de ago de 2012

Radio Gaga: The Parlotones, a banda de rock sul-africana que luta por seu país

Posted by Natália Lins On 20:11 2 comentários



Já se passaram 10 anos desde que a banda The Parlotones se aventurou para fora da garagem onde ensaiava. Uma das bandas africanas de rock alternativo a atingir maior sucesso fora do continente, já coleciona um considerável número de turnês pela Europa e EUA, mas, provavelmente, você nunca ouviu falar deles.

Nascida em Johannesburgo, na África do Sul, a banda utiliza sua fama para levar ao público questões sociais que farão do mundo um lugar melhor como a luta contra o aquecimento global, a preservação da natureza e o fim do abuso contra as mulheres. A prioridade é a música, mas junto com o sucesso vem a responsabilidade.

No início do ano a banda escalou o Kilimanjaro, a maior montanha da África, para chamar a atenção contra a violência sofrida por mulheres todos os dias no continente. Agora estão começando uma campanha nas rádios com o objetivo de angariar fundos para acabar com a caça ilegal de rinocerontes.

O primeiro álbum da banda formada por Kahn Morbee (vocais e guitarra), Glenn Hodgson (baixo, piano e vocal de apoio), Paul Hodgson (guitarra e teclado) e Neil Pauw (bateria) foi lançado em 2003, Episoda. Mas as coisas decolaram mesmo em 2005 com o lançamento do segundo álbum Radiocontrolledrobot, que ganhou o prêmio de Melhor Álbum de Rock, em 2006, no Music Awards da África do Sul. Uma das canções do álbum, a bela e pungente Beautiful, foi usada para um comercial da Fujifilm.

Em 2007 o segundo álbum foi lançado, A World Next Door to Yours, e a canção I’ll Be There foi nomeada para dois prêmios MTV Awards da África,  ganhando o prêmio de Melhor Vídeo no MK Awards. O terceiro álbum foi lançado em 2009, Stardust Galaxies, e logo na primeira semana após seu lançamento vendeu 20.000 cópias. Não demorou a ganharem o Disco de Ouro. Indicado a três categorias no South African Music Awards, venceu em duas: Melhor Álbum em Inglês e o de Melhor Clipe, com a música Push Me To The Floor.

Essa linda canção também fez parte da cerimônia de abertura da Copa do Mundo de 2010, uma das atrações que contribuíram para a apresentação da banda ao mundo. The Parlotones realizou uma excelente performance ao vivo.


O mais recente trabalho da banda é seu último álbum, Journey Through The Shadows, lançado em maio e também já está bombando. O single Save Your Best Bits, com o tema de não permitir que coisas negativas do passado afetem as partes boas de sua alma, e a comemoração I Am Alive são quase uma catarse, perseguem os momentos da experiência humana universal. Um tema que expressa a esperança e diz que, apesar dos altos e baixos a vida ainda vale a pena, assim como o título do álbum, que também é uma metáfora para a experiência humana: na vida não há manual de instruções que garanta o caminho mais suave.

The Parlotones vai muito além de uma banda de rock fazendo músicas boas. Os músicos souberam usar a posição que estão para um bem maior; para lutar pelo continente, para incentivar pessoas a se mobilizar pelos problemas tão sérios que seu país enfrenta. Será que se todas as bandas fizessem o mesmo, o mundo já não estaria um pouquinho melhor?











2 comentários:

Minha banda favorita.

http://Parlotones.com.br/

Postar um comentário